9 de novembro de 2008

London calling


I've spent the last few days in London. The London of my turning points, my dear city. The place I feel I belong to somewhere. It calms me and soothes me, this time more than ever. This time because of a greater turning point, possibly "the" turning point in my life.

É verdade, mas quando tudo à volta se adensa na escuridão, lá está Londres. Nas intersecções da carreira e da vida pessoal, lá está Londres, onde a Outra se mistura com os outros e se funde neles sem ser um deles. Sempre Londres, tal holocausto onde a fénix se imola e renasce. Será zen renascer? Não sei, mas nada nasce sem ansiedade e sem dor. O que importa é renascer, encontrar a energia salvífica, continuar a partir do Novo.

The dawn of a new day has come. It has come in London but its rays of light shine far beyond London. They lighten up hearts and souls of ordinary people caught up in the tangled web we call Life with all its intricacies, its question marks, its doubts and fears. London was my hollocaust this time, my biblical hollocaust, my Life's miracle where I feel I'm being reborn. So difficult to put up in words and yet so amazingly easy to feel and sense.

I was happy in London.

20 comentários:

DANTE disse...

So be happy anywhere! :)

Jokas :)

PRD disse...

A seguir a uma tormenta vem paz. O Inverno só faz sentido porque há Verão do outro lado do tempo. E "só contra um fundo de escuridão um fósforo aceso se vê"...

indomável disse...

dear blondie...

Was there time for you to think where you're going to be from now on?
Are you staying, or is time for you to leave?
And if you are... leaving... will you take me with you?
I need my own rebirth... the suffering part seems to have no end...

Ferreira-Pinto disse...

I think I caught the secret message in it!
I'm mighty glad to know you were happy in London.

If I'm allowed, my sweet and dearest friend, remember that it's now time to try and be happy everywhere else!
And I'm sure you will be.

António de Almeida disse...

-Por várias razões incluindo algumas familiares, nunca fui a Londres, primeiro fugi a 7 pés de lá ir, agora ainda não se proporcionou. Um erro imperdoável que terei de corrigir brevemente.

Carol disse...

Nunca fui a Londres, mas não morro sem lá ir. Pelo menos, no que depender da minha vontade... ;)

Fizeste-me lembrar o Malato, mas ele já foi feliz em muitos sítios...

London was great because you were happy there. London will always be there. You'll always have the chance to visit it and remind those happy times, but isn't it time to move on and do your best to be happy where you are now?

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Também fui muito feliz em Londres, nos quatro anos em que lá estudei. E continuei a ser durante bastante tempo, a ponto de ter lá mantido casa até 1998.
Vai ver que com o tempo a nostalgia por Londres passa.Outras virão e Londres permanecerá como uma lembrança doce da sua juventude. Igual a outras lembranças que nos acompanham ao longo da vida.

Peter disse...

I liked reading the post. My turning point is Firenze, it´s a beautiful town and I have there some friends.

Congratulations!

bluegift disse...

I see new beginings... so life can go on. Just don't forget to keep in touch :-)

Blondewithaphd disse...

Dante,
I will, I will!

Blondewithaphd disse...

PRD,
E como eu desejo o Verão...

Blondewithaphd disse...

Indy,
Time to leave and live. Trust me, suffering DOES have an end! We just have to wish it.

Blondewithaphd disse...

Quinn,
I know you do read my secret meanings. Time to move on and live not everywhere else but somewhere else.

Blondewithaphd disse...

António,
está sempre a tempo de ir a Londres. É mesmo ao virar da esquina e, acredite, vale muuuuito a pena.

Blondewithaphd disse...

Carol,
Tu não me confundas com o Malato, mulher! Mas sim, Londres deixa-me feliz. Vai lá e depois falamos a ver se não é verdade.

Blondewithaphd disse...

Ó Carlos,
Lembrança da juventude?! Ó deuses, eu acho que ainda sou jovem;) E a nostalgia até é boa porque é sempre o querer voltar.

Blondewithaphd disse...

Peter,
Great English, man!!! Pois eu de Itália é só basicamente Milão e pouco mais:) Imperdoável, eu sei!

Blondewithaphd disse...

Blue,
Olha-m'esta!, então Va. Exa. anda perdida em combate e ainda fala dos outros! Sure I'll keep in touch!

Joaninha disse...

Loira,

eu não gosto nada deste clube, quero sair!

Beijos linda :)

joshua disse...

So remain there to continue so.