31 de dezembro de 2009

No final de 2009


Se quando iniciei este blog me dissessem que eu ia estar aqui a despedir-me do Ano Velho pela terceira vez (terceira, vejam só!), a escrever em Português e depois de ter debitado para aqui uns trezentos e tal textos, eu não ia acreditar. Impossível, diria. Completamente insane! Pois, insane deveria estar eu quando tive esses pensamentos. Quem diria que o blog se tornaria uma espécie de vício bom parecido com o do ginásio? Por muito louca e corrida que me seja a vida (e é, senhores, ó se é), tem de haver tempo para o blog e para o ginásio. Num, desanuvio a mente, descarrego pensamentos, opiniões e..., outra novidade que eu jamais acreditaria, ... sentimentos que me correm a alma de lés a lés. No outro, esfalfo o corpo naquela convicção de sociedade pós-moderna de que exercício é bom e ponto final e vai daí, desde o fitball ao body pump, esta Blonde vai atrás de tudo o que é tendência. Enfim, divago, não é de manias de fitness que aqui vim botar texto.
O mais surpreendente de tudo, nesta coisa de me ver dona de blog - não, não é deixar o Spotty vir para aqui escrevinhar de quando em vez - é o facto de haver quem se dê o tempo e o trabalho de por aqui parar. Isso sim, isso é o que me transcende no mais absoluto da transcendência (agora deu-me para a divagação filosófica, enfim é das costelas teutónicas dessa pátria que deu Hegel e Nietzsche e Kant e esses todos). E mais impressionante ainda é haver quem por aqui páre desde o começo dos inícios: o Quinn, os Antónios: o Implume e o Almeida e todos os que aqui vêm de modo tão regular e que eu não vou nomear por me ir esquecer de muitos e eu gosto de todos. É tão interessante esta coisa da criação de comunidades, ainda que virtuais, esta agregação de pessoas que se detêm no percurso umas das outras e o interseccionam. Eu seria tão mais pobre sem esta interacção com gente que desconheço na sua grande maioria mas com quem sinto que falo, de um modo distanciado é certo, mas falo e oiço também e por sua vez.
A todos vós que permitem que o Blondewithaphd não caia num buraco negro de ausência:
FELIZ ANO NOVO!
Da vossa,
Blonde

20 comentários:

António de Almeida disse...

Formulo votos de sucesso para 2010.

Daniel Santos disse...

O implume ainda via ficar mais emplumado.

Igualmente para ti um bom 2010.

Joaquim Lucas disse...

Glória a 2010, honra a 2009. Bom ano.

Ältere Leute disse...

Buon Anno ! Uma língua mais, para a internacionalização da Blonde ! E essa foto... não mostra mas deixa adivinhar!!! Não fosse alguém julgar que "a personagem" era mesmo fantasia...

antonio - o implume disse...

Bem me parecia que alguns dos textos tinham a pata do Spotty... não me sabia assim tão assíduo, às tantas estou viciado!

Feliz 2010!

Goldfish disse...

Um Bom Ano, óptimo, e muita felicidade.

Turmalina disse...

Aqui são quase oito da noite, mas acho que ainda dá tempo de desejar-lhe um pouco de Osho no final deste ano e começo do próximo ano:
"Sempre que houver alternativas, tenha cuidado. Não opte pelo conveniente, pelo confortável, pelo respeitável, pelo socialmente aceitável, pelo honroso. Opte por aquilo que faz o seu coração vibrar. Opte pelo que gostaria de fazer, apesar de todas as conseqüências."
Bjosss

Canseiroso disse...

Lua cheia, lua loira,lua de sabedoria e tentação.
Eis porque és tu ó Lua, a causa de tanta vibração.
Bom Ego para todos

mdsol disse...

Querida Blondinha

Um ano muito bom. Também para o Spotty.

Beijinhos

:))

Maria, Simplesmente disse...

Blonde:
Chegamos cá...!
Agora... vamos à luta até à nova entrada.
Bom Ano mais uma vez
Maria

Pedro Lopes disse...

é o teu cabelo
natural?
pergunta descabelada
ou talvez não
talvez loura
:-)

descabelada = despropositada
às vezes digo o óbvio
posso ser irritante
aqui não é isso
pode ser cansaço
:-)
e lourice minha :-))
não leves a mal, cansado posso ser bastante louro :-))

um bom ano, blonde

Ältere Leute disse...

UM POEMA
Mandou-mo a Deo. Trabalhámos com ela, lembra-se ?
Achei que era próprio para reproduzir aqui:

RECOMEÇA...
SE PUDERES,
SEM ANGÚSTIA
E SEM PRESSA.
E OS PASSOS QUE DERES, NESSE CAMINHO DURO
DO FUTURO,
DÁ-OS EM LIBERDADE.
ENQUANTO NÃO ALCANCES
NÃO DESCANSES.
DE NENHUM FRUTO QUEIRAS SÓ METADE.
E, NUNCA SACIADO,
VAI COLHENDO
ILUSÕES SUCESSIVAS NO POMAR,
SEMPRE A SONHAR E VENDO
O LOGRO DA AVENTURA.
ÉS HOMEM, NÃO TE ESQUEÇAS.
SÓ É TUA A LOUCURA
ONDE, COM LUCIDEZ, TE RECONHEÇAS.

com a devida vénia, MIGUEL TORGA

( Stimmt schon, nicht wahr ? )

Nuno Raimundo disse...

oLÁ bLONDIE...

Da parte que me toca: HAPPY NEW YEAR...

(Esta foi para "matar saudades" dos textos na lingua de Sua Majestade;) )

bjs

Pedrito disse...

Parabens pelo teu blog Bond, só agora é que tive conhecimento dele, vou tentar ler todos os artigos.
Bom ano de 2010.

Eu Mesma! disse...

feliz ano novo e sim...
gosto de ca aparecer de vez em quando!

:)

Ferreira-Pinto disse...

Catano, ando eu a resmungar que tenho saudades dos tempos em que escrevinhavas na língua de Sua Majestade e chega-se aqui para constatar que até já chineses aqui comentam! :)
Está internacionalizado o blogue.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ora atão um Feliz 2010 para Vocelência e sua eminência o capitão Spotty.
Ah, é verdade, estou a pensar queixar-me de si em tribunal, porqeu tornou este blog viciante...

zana dias disse...

Toda a honra à Blonde pela vasta fidelização de "blogclients" conquistada em 2009!

Meus caros, a Senhora pode receber muita inspiração, mas isso não contribui mais de 5%, para o que é aqui escrito... os outros 95% vêem do seu empenho, do seu trabalho e do seu tempo e é por esta última percentagem que Ela nos concede que lhe agradeço e reconheço todo o mérito!

Vera disse...

Compreendo-te tão bem. Para mim o blogue também se tornou uma parte de mim sem a qual não posso passar, um dia que seja. E não só o meu mas todos os que gosto de ler e comentar. Tenho pensado muito sobre esta "dependência" da comunidade virtual e se será saudável. Enquanto não chego a uma conclusão, continuo por cá. Por aqui também. Beijos

Chinook disse...

Excelente blog.

Bom Ano

Beijos