23 de fevereiro de 2010

Fico parva (mais do que o costume)!!

Chove água que Deus a dá (Deus, caramba que eu e o Spotty já estamos fartos e eu não ganho para os tapetes que o bicho desfaz de impaciência). Segunda circular entupida (o normal às seis da tarde mesmo que fizesse o sol dos 30º graus à sombra). Blonde ouve as notícias na rádio (assim como assim, all dressed up no place to go, ouve-se qualquer coisa).

"Gasto com o contingente português de 160 militares no Afeganistão sobe de 10 para 25 milhões de euros".

Desculpem, ainda estou a ver se acordo o neurónio do coma em que entrou...

A Madeira está de pantanas. O país está de tanga (ok, eu prefiro boxers que as tangas são muito pouco fashion, gentlemen). A justiça está pelas ruas da amargura. O sistema de saúde a rebentar pelas costuras. A educação, bem, sem comentários. E a malta agarra de 25 milhões e toma lá para o Afeganistão. Acho bem! Então não!

5 comentários:

Djinn disse...

Podes crer!!
Estamos literalmente a nadar em dinheiro...

Eu Mesma! disse...

entao mas nao sabes?
temos que manter as aparencias como naqueles casamentos de tv...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

O que me espanta não é a sua indignação, é o facto de haver gente por aí a dizer que é dinheiro muito bem gasto.

António de Almeida disse...

O Afeganistão é um problema que a comunidade internacional tem de resolver. Não vou entrar em especulação, afirmando que é dinheiro a mais ou a menos, o problema é não estarmos a resolver nada naquelas paragens. Ao que parece contribuimos para derrubar um execrável governo, permitindo a subida ao poder de corruptos. A partir daí todo o cêntimo é mal gasto...

Ferreira-Pinto disse...

Eu neste domínio acho que há compromissos internacionais que têm de ser respeitados; o problema é que se estamos pretensamente a impedir que uns bárbaros regressem a Cabul, estamos a manter lá um corrupto!