14 de fevereiro de 2010

Outra vez este dia...


Nunca gostei do dia de São Valentim, muito menos gosto que lhe chamem o nome pindérico de Dia dos Namorados (coisa mais tacanha!), mas é fatal como o destino que todos os anos aqui venha escrever seja o que for a propósito.
Há dois anos andava náufraga num casamento desfeito e escrevia em título "Amar Apesar" convencida de que tinha descoberto uma grande verdade. Balelas! Claro que não se pode amar apesar. Ou isso, ou então sou eu que não quero nada amar apesar e não vou amar apesar.
O ano passado a coisa já foi muito diferente. Libertara-me da estupidez do amar apesar, revia os meus sentimentos e reposicionava-me na vida.
Este ano... Bem, este ano, vejo esta estrada longa até ao horizonte e quero percorrê-la sem chegar ao horizonte...

7 comentários:

Maria, Simplesmente disse...

Dou-lhe razão Blonde.
Bom domingo
Maria

Pedro Lopes disse...

o horizonte é como um reflexo
quando está ali mesmo
está mais além

Daniel Santos disse...

e muito bem!

que sejas feliz nessa estrada que escolheste.

António de Almeida disse...

Dia de S.Valentim? Nem dei conta! Ontem nem estrada percorri, passei o dia em casa, ouvindo música, vendo tv ou teclando no meu pc, sem mais que fazer, nem me apetecer fazer absolutamente nada...

Ferreira-Pinto disse...

... be happy, don't worry ...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

"Amara apesar" é tão falso como o Dia dos Namorados.
Há dias fiquei a saber que hoje se comemora o Dia dos Encalhados. Estou nessa.

Chinook disse...

Pois que eu vejo o dia 14 sempre como um dia especial.

Kisses