11 de outubro de 2010

Outra vez a marmelada


Pois é, as primeiras chuvas trazem a época das marmeladas, compotas e geleias. Por aqui já saiu a primeira panelada de marmelada (até rima!). Deliciosa! Este ano deixei-me de grandes invenções e só juntei açúcar e canela aos marmelos biológicos aqui do quintal. Para a semana a ver se faço mais. Mas, por favor, alguém me ensine a cortar marmelos aos quartos sem abrir os pulsos. Eh fruto mais rebelde! (Ou então é o jeito que é mesmo uma desgraça...)

8 comentários:

Pedro disse...

google:
cortar marmelos aos quartos sem abrir os pulsos

resultados google
:)

antonio - o implume disse...

Por momentos tive esperança... afinal esta mulher só sabe empunhar uma faca.

zana dias disse...

Doces rituais!

Daniel Santos disse...

Parece-me bem.

Pedro disse...

ocorreu-me agora
depois de reler
"outra vez a marmelada"

tu gostas de marmelada :)))
no pun intended :)

Eu Mesma! disse...

Adoro marmelada :)

Kássia Kiss disse...

Eu fiz doce de maçã também biológica aqui do quintal e também lhe juntei muita canela. Ainda não provei, espero que esteja bom.

P.S. Sei que não é habitual fazer doce de maçã, mas eu não sabia o que fazer a tanto fruto e tive pena que se estragassem. Depois informo sobre o resultado ;)

Goldfish disse...

"Rebelde" é uma forma muito gentil de dizer que o raio dos marmelos são duros como os cornos do boi! Não há solução, só abrindo os pulsos mesmo.