30 de dezembro de 2012

The bridges of Madison County

Quando eu vi o filme antes de ter vivido pensava: nada disto é possível e não acontece assim. Agora que vi o filme depois de ter vivido penso: tudo isto acontece assim mas não é possível.

Acho que já vivi umas coisas...


2 comentários:

Francisco Nobre disse...

Pois... Mas é sempre preferível ter vivido do que não... Beijos

Cristina Torrão disse...

Não acontece todos os dias. Mas, daí a ser impossível...