7 de abril de 2013

Vem aí a política da vingança

O Tribunal Constitucional é um excelente bode expiatório para um governo que não sabe governar mas está convencido de que sabe. Virá agora o discurso dramático da vitimização, da atribuição de culpas a um órgão que mais não é que um fiscal. Virão agora as desculpas para as políticas de terra queimada num país que já pouco tem que arda. O desvario que se avizinha encontrou justificação no chumbo do Constitucional.
Temo.

3 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

É de temer o pior, mesmo!
Então está melhor?

João Afonso Machado disse...

Temo mais o Sócrates - juiz, Roy Bean e legislador por conta própria e freio livre na tv.

Fernando Lopes disse...

Tem toda a razão, partilho desse temor!