22 de dezembro de 2013

Mais um ano de nós

Eu e a Ältere Leute já levamos quase vinte anos de caminho (faz os vinte no próximo Setembro), Vinte... Fomos ficando, permanecendo. Antes dos mails havia escritas: ela sempre a caneta lilás clarinho. Depois os mails e o dia em que ela descobriu que eu tinha um blog, quando praticamente ninguém sabia que eu tinha um blog e o blog era algo que já não é hoje. Deixei-a entrar aqui sem deixar que outros entrassem. Por isso: porque nos estimamos como pouca gente a quem a vida pôs no caminho por razões iniciais que nada tinham a ver com amizade. Ficámos. Permanecemos.
Hoje nem consigo imaginar que não partilhemos a nossa tradição anual de escolher um sítio novo e de pormos a conversa em dia no vagar que a vida nos permite. Este ano voltámos ao Chiado depois de um interregno em Belém. Não sei porquê mas acho que a Baixa é mesmo a nossa "onda".
Gosto indescritivelmente de tê-la e gosto ainda mais que ela saiba desse meu gostar porque nada há pior do que um dia termos o remorso de não termos dito o que queríamos a quem queríamos. Essa paz eu tenho porque:

Gosto tanto de si...

2 comentários:

Ältere Leute disse...

Sim, a Baixa traz mais Stimmung, ainda que Belém sugira mais Natal ! Em qualquer caso... acho que a colecção "Mestre Cacau" pode continuar a fazer-se em qualquer parte...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Um natal Feliz, Blonde, e que 2014 lhe devolva a memória de que ainda tem um blog :-)